Ari Borger | Bate-Papo

10 de Outubro de 2016

Com mais de vinte anos de estrada, o pianista é considerado um dos grandes nomes do gênero. Em sua carreira já tocou com lendas do blues como B.B. King, Pinetop Perkins, Johnnie Johnson e Clarence Gatemouth Brown. Seu CD de estreia, “Blues da Garantia” (2000), foi gravado em New Orleans, cidade onde morou por alguns anos. Já gravou seis discos ao longo de vinte anos de carreira, que figuraram entre os top 10 de conceituadas publicações americanas e britânicas, alternando entre o blues tradicional, boogie woogie, soul, groove e o jazz.

Perguntas

  1. Você emendou Rolling Stones e Beatles. Por que você escolheu tocar esses dois temas?
  2. Vocês ainda tocam juntos toda semana? Há quanto tempo vocês tocam com o Ari?
  3. E sobre o repertório, "Song For Jay” parece um standard mas logo depois percebemos que ela é sua, fale um pouco dessa composição?
  4. Tem outros clássicos também como “Crazy dog”, é outra composição sua? E “The In crowd”?
  5. A história de vocês com o blues é anterior a história com o Ari?
  6. Você falou de um conceito que é do acompanhamento do blues e desse som New Orleans, dessa coisa do baixo e bateria com um conceito do “trem”, como é isso?
  7. Emerson, Lake & Palme faz parte de alguma forma do repertório de vocês?
  8. Ari, como foi morar em New Orleans? Como foi a recepção de um brasileiro naquela cidade?
  9. Você acha que tem uma escola de blues nacional? Tem um acento brasileiro no blues ou precisa ser aquele blues tradicional?
  10. Vocês frequentam festivais de blues no Brasil? São muitos, é uma cena forte?
Voltar ao topo

Programação SescTV

30 de Novembro

  • 15:00Passagem de Som - Rakta
  • 15:30Intrumental Sesc Brasil - Rakta
  • 18:00Intrumental Sesc Brasil - Violentango
  • 19:30Passagem de Som - Davi Fonseca
  • 00:03Passagem de Som - Arismar do Espírito Santo
programação completa