Di Freitas | Bate-Papo

17 de Março de 2009

Di Freitas é cearense de Fortaleza, onde estudou violoncelo e violão clássico. Em São Paulo, Rio de Janeiro, Mato Grosso e Goiás participou de vários festivais de música e fez cursos com professores brasileiros e estrangeiros. Há oito anos mudou-se para Juazeiro do Norte. Ao lado da cantora lírica italiana Francesca Della Mônica, lançou o CD Ultraexistir. Mas é em O Alumioso, lançado pelo Selo SESC, que mostra toda a sua forte musicalidade. O disco é uma homenagem ao mestre Ariano Suassuna.

Perguntas

  1. Qual a formação de cada um de vocês?
  2. Gostaria que vocês falassem do contato com os mestres da cultura popular da região do Cariri?
  3. Quanto tempo você demora para fazer um desses instrumentos? Com quantos anos você começou a se interessar pela música e tocar esses instrumentos?
  4. Você utiliza partes de instrumentos tradicionais, que tratamento você dá para fortalecer as cabaças?
  5. Hoje no show, durante a improvisação, teve algum momento de não saber pra onde ir ou algo do tipo?
  6. Você se considera um músico ou um educador?
  7. Tem uma música do repertório que você fez junto com os alunos do Cariri?
Voltar ao topo