Panorama do Choro | Bate-Papo

11 de Junho de 2012

Com o objetivo de registrar e divulgar a expressão atual do choro, Yves Finzetto e
Roberta Valente criaram o Panorama do Choro Paulistano Contemporâneo, grupo
formado por Alexandre Ribeiro (clarinete e clarone); João Poleto (flauta, sax tenor e
sax soprano); Gian Corrêa (violão de 7 cordas); Henrique Araújo (bandolim,
cavaquinho e banjo); Roberta Valente e Yves Finzetto (percussão).

Perguntas

  1. Eu queria perguntar para vocês um pouco sobre a dinâmica dessa roda de choro. Hoje à tarde a gente falou muito sobre o improviso e que o improviso no choro tem um lugar para acontecer. Hoje, o Laércio ficou meio que regendo o improviso aqui, isso é uma prática da roda? Tem uma certa hierarquia de quem é que chama o improviso, tem uma certa regência na história?
  2. Quando você vai se mudar para São Luis do Maranhão?
  3. Em que compasso está escrito o "Choro Manco"? Nas pesquisas vocês encontraram muitos exemplos de alterações de compasso ou das figuras rítmicas tradicionais do choro?
  4. Existe algum tipo de acento paulista no choro? A dinâmica de vocês é uma característica da composição ou do grupo?
  5. Como um dos compositores paulistas que fazem parte desse repertório, como é participar desse Panorama do Choro?
  6. Você trouxe um baixo elétrico para tocar aqui também?
  7. Uma das músicas mais aplaudidas hoje foi a sua composição. Você poderia falar sobre essa experiência de tocar no Panorama do Choro e de ter a sua música dentro do repertório?
  8. O clarone é um instrumento típico do choro?
  9. E o sax?
Voltar ao topo

Programação SescTV

28 de Fevereiro

  • 21:00Passagem de Som - Nenê Trio + Kinteto
  • 21:30Instrumental Sesc Brasil - Nenê Trio + Kinteto
programação completa